Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Perspectivas & Olhares na planície

Perspectivas & Olhares na planície

Évora: há a Deusa Diana e outras personagens...

A afogar-se no Covid-19 (5)

O Presidente da Câmara de Évora dixit: 

“não há qualquer indicação para iniciar esse processo e que desinfetar os espaços públicos trata-se apenas de deitar dinheiro para o lixo, a não ser num espaço especifico onde tenha estado alguém com vírus."

Sim, sim... Para quem não está muito habituado que se faça regularmente lavagens de praças, ruas tem estas opiniões. Por isso, tudo o que seja limpeza nos espaços urbanos é deitar dinheiro para o lixo. O hábito faz muito. É como o dever  de lavar as mãos mil e uma vez durante o dia, quem já tinha esse hábito pouca diferença lhe traz ao seu quotidiano em tempos de Covid-19. Agora, quem só lavava as mãos quando tomava banho, está a ser um drama à espera que lhe caia um dedo à terceira lavagem de mãos!

2 comentários

  • Imagem de perfil

    /i. 26.03.2020

    Olá, Sarin.
    Não gostei foi da forma como o Sr. disse a frase. As ruas andam um lástima de cheiros, sujidade (cães, pneu, fumo dos carros...) e devia-se desinfectar pelo menos duas vezes... E não só por causa do vírus. Devia existir mais higiene em tudo. Quando há a época das gripes muitas vezes apanhamos o vírus nos transportes públicos, ao abrir a porta de uma porta do banco, por exemplo.
    Neste momento, não sei se será altura de fazer essa desinfecção: ovar e outros sítios onde há maior índice, fará mais sentido.
    O Presidente devia ter dito que não fazia sentido para já, a dgs não indicou nada, mas faremos se for necessário. E terminava a história.

    Cuida-te
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.