Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Perspectivas & Olhares na planície

Perspectivas & Olhares na planície

A lamentável e lastimável entrevista da ex-Ministra das Finanças de Portugal!

A Maria Luís Albuquerque foi ao Jornal das Oito da TVI justificar-se e o mais que conseguiu foi com o passar dos minutos ganhar as bochechas cada vez mais vermelhas, ou à moda de cascais, encarnadas.

A ex-ministra das finanças foi desmascarada com a divulgação de alguns pormenores do problema do malfadado BANIF e às perguntas pouco incisivas e energéticas do Alberto Carvalho a magnânima Maria Luís Albuquerque resolveu repetir ardilmente até à exaustão: Não tenho informação suficiente sobre para formar opinião, não tenho informação suficiente sobre para formar opinião, não tenho informação suficiente sobre para formar opinião. Ora este início de resposta é deveras irresponsável e absolutamente enganadora, para além de acentuar a sua falta de respeito pelos cidadãos portugueses que falsamente diz ter respeito e ter defendido sempre os interesses dos contribuintes. Apetece-me perguntar à magnânima Maria Luís Albuquerque se andou entretida a passear as suas unhas pintadas de vermelho sangue de boi pelos corredores do Parlamento, do Ministério e dos Edifícios da UE e que se esqueceu de desempenhar as suas funções de ministra, de entre as quais, ler os vários papeis relacionados com o BANIF?

A negligência assume proporções colossais quando a magnânima que diz ter dúvidas na

solução e na forma como foi feita a divisão do banco para ser vendido; ora minha querida se tem dúvidas porque é que não acatou a ordem da UE em Março para fazer uma reestruturação do BANIF e apresentar oficialmente o banco para venda e não às escondidas. Tinha medo das eleições? Mas o seu aluno não dizia que se lixe as eleições? Pois então tinha nove meses para ajudar o banco a ser vendido e não lesar gigantesca, imerecida e dramaticamente os contribuintes de Portugal, contudo escolheu ir só ao ministério assinar os recibos do salário de ministra e averiguar se tinha algum convite para um cargo na Europa ou no FMI.

Entrevista infeliz, de uma infeliz entrevistada, para mais um caso do sistema financeiro infeliz e para o qual, os contribuintes infelizes têm de pagar os devaneios dos políticos e do sector bancário, infelizmente.

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.