Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Perspectivas & Olhares na planície

Perspectivas & Olhares na planície

Qua | 24.11.10

A montanha pariu...

/i.

.... DOIS RATOS!!

 

Ora vejamos:

 

1º Rato- O Papa Bento XVI deu às prestações as boas-vindas ao uso do preservativo.

 

2º Rato - Uma telenovela portuguesa, pela primeira vez, foi nomeada para um prémio internacional e na sua estreia arrecadou o Emmy. 

 

Quero dar os parabéns à grande Rita Pereira e suas acompanhantes que não paravam sossegadas... o decote tinha as medidas exactas, o João Rolo esqueceu-se das medidas e com a crise achou por bem nivelar por baixo e poupar no tecido. O administrador da TVI, esse não cabia em si de felicidade... almoçou e jantou sem tirar a carteira do bolso.

 

Mais ritas pereiras naqueles "preparos", para a mesa 5 sff!!!

 

    

Seg | 15.11.10

O Estado da Nação

/p.

Estamos mesmo à beira da bancarrota (afinal, o Medina Carreira tinha alguma razão… mas também como estamos sempre na crise, e o Medina Carreira diz sempre a mesma coisa, já ninguém liga grande coisa… é como a velha história do mentiroso e do lobo)

 

Segundo aquele real comentador, devia haver uma junta de salvação constituida pelas elites, magistrados, blá, blá, blá… deve ser para por o país igual ao pântano da justiça… (desculpem, mas mesmo assim ainda acho que o País está um bocadinho melhor e para isto mil vezes José Sócrates).

E depois dizer que os juízes não são responsáveis … porque estes só aplicam más leis… então se não têm nenhum poder poupemos no seu salário e contratemos ali o Chico Zé da esquina para aplicar os diplomas!

O Paulinho das Feiras fez-se logo ao posto… da Junta

 

O Teixeira dos Santos enganou-se nos números (isto também, na verdade, não é nenhuma novidade… acontece todas as semanas. Acho até que os portugueses ficariam surpreendidos se ele acertasse… e eu que pensava que não era grande coisa a matemática)

Deve-se também salientar que o nível de Inglês deste ministro não deve ser grande coisa … porque ele próprio diz que destacou que não precisaríamos de ajuda mas o Financial Times garante que este disse que ia pedir ajuda à União Europeia. (E depois dizem de uns e outros que tiveram Inglês Técnico)

 

Já agora… falando de ministros… o caríssimo Luís Amado (de quem ninguém fala mal… porque simplesmente nem fala) disse também que o país precisa de uma coligação governativa. E adivinhem? Oferece-se certamente para primeiro-ministro!

 

Os impostos vão subir … e os salários (e não são apenas os da função pública) vão descer (como acontece quase todos os anos, excepto em véspera de eleições)

 

Os juros sobem especialmente porque a Sra. Merkel resolveu dizer que os credores bem podiam esperar porque dali nada receberiam caso os estados não cumprissem os seus compromissos. (o que é que se pode esperar de um país que começou duas guerras mundiais!!!)

 

A PT prepara-se para distribuir lucros aos accionistas mais cedo para fugir aos novos impostos do próximo ano (de um negócio que o Estado contestou mas que, depois de uma breve conversinha com Ricardo Salgado, aprovou com louvor)

 

A imagem de Portugal no estrangeiro cada vez é mais negativa:

- especialmente depois de sermos incluídos nos PIGS da Europa

- de sermos humilhados pelo Presidente da República Checa sem que isso merecesse uma recriminação por parte do nosso Presidente da República

- de sermos meio acusados de andar, juntamente com a Espanha, a pagar a terceiros para ter cá o Campeonato do Mundo.

- de provavelmente termos de aceitar as ordens da China (futura compradora da nossa dívida) começando por mandar o diplomata que representaria Portugal, na recepção do prémio Nobel por um dissidente Chinês, ir dar uma curva e não por as patinhas na dita cerimónia.

 

Mas nem tudo são problemas… certamente ocorreram factos positivos nestes últimos tempos… não me lembro é de nenhum…. … bem, ainda há dinheiro para cigarros … mas também quando acabar pode ser que alguém nos compre… e depois fingimos que não temos moedas e não pagamos (que era supostamente o que fazia o nosso excelentíssimo primeiro ministro quando trabalhava como engenheiro da Câmara… (esta notícia não pôde ser comprovada pela próprio, trata-se de um desabafo de um ex-colega funcionário da mesma. Este ataca os funcionários públicos e zás… já diz o ditado popular “zangam-se as comadres, descobrem-se as verdades!”)